Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

No meu Palato

No meu Palato

Vila953 | As coisas que, calado, no silêncio confessei

05.01.22 | pedro | comentar
"O talento ou o acaso não escolhem, para manifestar-se, nem dias nem lugares." José Saramago Mas afinal o que define um bom Chef de cozinha? A resposta para esta pergunta não é nada óbvia. Terá de ter estrelas Michelin? Garfos de ouro? O seu restaurante ter um lugar (...)

Lapónia | Em busca do (Pai) Natal

29.12.21 | pedro | comentar
"Às vezes, as coisas mais reais deste mundo são aquelas que não podemos ver.” Chris Van Allsburg O Pai Natal, também conhecido como São Nicolau ou Kris Kringle, tem uma longa história, rica em tradições e lendas. Nos dias que correm, ele é imaginado como um homem (...)

Restaurante Ferrugem | O brilho de uma sombra com memória

18.12.21 | pedro | comentar
"Parece-me que na escala das medidas universais há um ponto em que a imaginação e o conhecimento se cruzam, um ponto em que se atinge a diminuição das coisas grandes e o aumento das coisas pequenas: é o ponto da arte... E o resto é ferrugem e pó das estrelas." Vlad (...)

Roadtrip Costa Vicentina | Juramento eterno de sal (II)

03.12.21 | pedro | comentar
"Com todas as tuas ofertas tu oferecerás também a mais valiosa de todas: sal!!!“ Antigo Testamento O sal vem dos mares, estejam eles mortos, secos ou vivos. Pode borbulhar na superfície como salmoura, aparecer na forma de salinas ou esconder-se timidamente em (...)

Roadtrip Costa Vicentina | Rochedos da memória (I)

31.10.21 | pedro | comentar
"Num voo de pombas brancas, um corvo negro junta-lhe um acréscimo de beleza que a candura de um cisne não traria.“ Giovanni Boccaccio Caríssimos (e atentos) leitores, a publicação relativa à #roadtrip2021 do blogue começa com uma pergunta, necessariamente (...)

Casa Velha | No princípio era a fome

17.10.21 | pedro | comentar
“Se tivesse que defender alguma coisa, seria o movimento. Até onde puderem, o tanto que puderem. Até ao outro lado do oceano, ou mais simplesmente até ao outro lado do rio. Coloquem-se na pele da outra pessoa, ou pelo menos comam da sua comida. É uma mais valia para (...)

Monte Santo Resort | Escrito na água

11.10.21 | pedro | comentar
"Tinha-me lembrado a definição que José Dias dera deles, «olhos de cigana oblíqua e dissimulada». Eu não sabia o que era oblíqua, mas dissimulada sabia, e queria ver se se podiam chamar assim."  Machado de Assis Há muito muito tempo (as melhores histórias têm (...)

Salpoente e Moliceiro | Mil deleites de uma identidade

25.08.21 | pedro | comentar
A essência da epopeia literária, independente da sua época, latitude ou forma, é uma narrativa que procura consolidar uma determinada identidade. Como na fase do espelho de Lacan (fase entre os 6 e 18 meses em que uma criança já se consegue identificar num espelho), a (...)